Arquivo da tag: Lara Lutzenberger

Sustentabilidade na UniRitter Campus FAPA

O prédio 1 do Campus FAPA já tem pronto soluções de paisagismo para manter a temperatura agradável – Crédito: Pedro Montiel
O prédio 1 do Campus FAPA já tem pronto soluções de paisagismo para manter a temperatura agradável – Crédito: Pedro Montiel
Anunciada em agosto de 2014, a parceria entre a UniRitter e a FAPA trouxe uma série de benefícios de infraestrutura e de melhoria do espaço já existente no campus.

Por Pedro Montiel
Jornalismo Ambiental / Manhã

Com cerca de 3 mil alunos e uma área verde rica em açudes e em diversas espécies de plantas e animais, a UniRitter Campus FAPA tem um grande potencial de iniciativas para promover a sustentabilidade e a conscientização ecológica. Continue lendo Sustentabilidade na UniRitter Campus FAPA

LARA LUTZENBERGER |Promovendo uma revolução cultural

Lara Lutzenberger: “Através da educação ambiental é possível reaproximar a sociedade da natureza” - Crédito: Arquivo Pessoal

Lara Lutzenberger: “Através da educação ambiental é possível reaproximar a sociedade da natureza” – Crédito: Arquivo Pessoal

A educação ambiental e a promoção de tecnologias brandas socialmente compatíveis são as áreas de atuação da Fundação Gaia dirigida por Lara Lutzenberger. Sua dedicação à entidade expressa o orgulho e a gratidão pelo legado deixado por seu pai, o ecologista José Lutzenberger, falecido em 2002, e pela responsabilidade que acredita ter na construção de um mundo mais equilibrado, ético e saudável, revela nesta entrevista exclusiva concedida ao blog da disciplina de Jornalismo Ambiental da UniRitter.

Por Hellen Borges
Jornalismo Ambiental/Manhã

Como surgiu a ideia de dar seguimento ao trabalho da Fundação Gaia criada por seu pai?
Lara Lutzenberger: Foi um processo que se iniciou ainda em 1987, quando eu tinha 17 anos e passei a secretariar o meu pai, depois participando nos diferentes grupos de trabalho da Fundação Gaia até assumir o papel de coordenação e vice-presidência. Isso fez com que, na partida dele, eu me sentisse na obrigação moral de dar continuidade ao que tínhamos realizado juntos, ele, sua equipe toda e eu.

Como se sente dando continuidade ao trabalho de seu pai?
Lara Lutzenberger: Tem sido um desafio constante e muito grande para mim. A Fundação Gaia é cronicamente carente de recursos financeiros e, por decorrência, também humanos. Tenho conciliado essa missão com demandas domésticas e familiares expressivas. Mas o faço com imensa dedicação, como expressão do meu orgulho e da minha gratidão por este legado bonito que o pai construiu e pela responsabilidade que entendo termos, cada um de nós, com a construção de um mundo mais equilibrado, ético e saudável. Continue lendo LARA LUTZENBERGER |Promovendo uma revolução cultural