Arquivo da tag: SMAM

Os ruídos da cidade

O tráfego urbano é um dos maiores responsáveis por danos à saúde - Crédito: Agência Brasil
O tráfego urbano é um dos maiores responsáveis por danos à saúde – Crédito: Agência Brasil
Durante a 32º Semana do Meio Ambiente, que ocorreu em paralelo ao Dia Mundial do Meio Ambiente, no dia 5 de junho, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Porto Alegre (SMAM) quis aguçar os sentidos de quem já está acostumado ao mal dos ruídos urbanos. Em palestra, a engenheira Nara Ione Medina Schimitt contou sobre os efeitos nocivos dos sons da rua, como isso pode afetar a saúde e quais são os lugares mais caóticos na capital.

Por Mariana Pacchioni
Jornalismo Ambiental / Noite

Pensar em poluição sonora urbana nos dias atuais é um clichê: metrópoles abarrotadas de carros, obras, ônibus, aviões, tráfego, a música da revolução das máquinas. Nos passa despercebido, porém, o efeito nocivo que o barulho das cidades nos traz. Dentre as diversas atividades propostas para conscientização da população acerca de temas sobre o meio ambiente, no auditório da SMAM no último dia 8 de junho, ocorreu uma palestra intitulada “Emissões Sonoras”, com o objetivo de mostrar à população os resultados de um estudo sobre as emissões sonoras no ambiente urbano, gerado pelo tráfego veicular em vias e parques de diferentes regiões da cidade. Continue lendo Os ruídos da cidade

Monitoramento do ar deixa muito a desejar em Porto Alegre

Porto Alegre tem 790.038 veículos licenciados para circular segundo dados do Detran de abril de 2014 - Foto: Liliane Pereira
Porto Alegre tem 790.038 veículos licenciados para circular segundo dados do Detran de abril de 2014 – Foto: Liliane Pereira

Monitorar a qualidade do ar que respiramos é tão essencial quanto controlar a pureza da água que bebemos. No entanto esse controle não tem acontecido como deveria para nos revelar o índice real de poluição atmosférica existente na capital gaúcha.

 

 

1º lugar no 6º Prêmio Unochapecó / Caixa de Jornalismo Ambiental (2014)

 

 

Por Liliane Pereira
Jornalismo Ambiental / Manhã

Quem tem o dever de controlar a poluição do ar nas regiões mais poluídas do Rio Grande do Sul é a Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam). Por falta de investimentos, não é o que ocorre. Em Porto Alegre o monitoramento também é atribuição da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMAM). Das três estações municipais, apenas uma funciona. Continue lendo Monitoramento do ar deixa muito a desejar em Porto Alegre