Arquivo da tag: Reciclagem

“Política Nacional de Resíduos Sólidos é lida de ponta-cabeça”

Caminhão a serviço da prefeitura de Porto Alegre – Crédito: Sidd Rodrigues
Em audiência pública sobre a Política Nacional de Resíduos Sólidos, Daniel Martini, promotor do Ministério Público do Rio Grande do Sul, afirmou que, em sua maioria, gestores municipais não seguem o que diz a lei de 2010.

Por Daniela Knevitz
Jornalismo Ambiental – Campus Fapa / Noite

Em de 2 de agosto de 2010, foi sancionada a Lei Nº 12.305 que trata da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). Ela determina a prevenção e a redução na geração de resíduos, tendo como proposta a prática de hábitos de consumo sustentável e um conjunto de instrumentos para propiciar o aumento da reciclagem e da reutilização dos resíduos sólidos (aquilo que tem valor econômico e pode ser reciclado ou reaproveitado), além da destinação ambientalmente adequada dos rejeitos (aquilo que não pode ser reciclado ou reutilizado). A lei institui, ainda, a responsabilidade compartilhada dos geradores de resíduos: fabricantes, importadores, distribuidores, comerciantes, cidadãos e titulares de serviços de manejo dos resíduos sólidos urbanos na Logística Reversa, dos resíduos e embalagens pré e pós-consumo. Continue lendo “Política Nacional de Resíduos Sólidos é lida de ponta-cabeça”

O resgate da liberdade através do lixo

Apenas na Penitenciária Madre Pelletier é realizado o processo de reciclagem eletrônica – Crédito: Adriano Bazzo
A reportagem do blog de Jornalismo Ambiental da UniRitter visitou a Penitenciaria Feminina Madre Pelletier (PFMP), onde as apenadas trabalham na reciclagem de lixo eletrônico, programa inédito no cenário carcerário do Rio Grande do Sul.

Por  Adriano Bazzo, Eduardo Marques, Jeniffer de Oliveira e Rosa Mantovani
Jornalismo Ambiental – Campus Zona Sul / Noite

Desta vez o exemplo vem de trás das grades: mulheres privadas de liberdade da Penitenciária Feminina Madre Pellitier encontram um alento para recomeçar através de um trabalho digno em prol da sociedade e do meio ambiente.

A Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe), junto com a Companhia de Processamento de Dados do Estado do Rio Grande do Sul (Procergs) e a empresa JG Recicla tomaram frente de um trabalho inédito no sistema prisional do Rio Grande do Sul. Continue lendo O resgate da liberdade através do lixo

Transformando lixo em dinheiro

Roberto amassa as latas para vendê-las – Crédito: Paulo Mendes
A reciclagem consegue gerar lucro para os envolvidos? Sim! A transformação do lixo em produtos industriais representa um meio de gerar receitas para quem trabalha neste processo. É assim que faz Roberto Paulo Inocente, serralheiro aposentado, que junta latinhas e fios de cobre para o complemento de seus rendimentos.

Por Guilherme Oliveira Barni, Luiza Brandão Flores, Matheus Furtado e Paulo Mendes
Jornalismo Ambiental – Campus Zona Sul / Noite

Não é novidade que se pode ganhar dinheiro com a reciclagem, e ter uma renda através dessa prática. Porém, para as pessoas que já possuem sua renda,  que já têm sua profissão que garante o dinheiro do mês, vale à pena reciclar para ter um dinheiro a mais? Continue lendo Transformando lixo em dinheiro

“Minha querida, tu vai ter que por a mão no lixo!”

Trabalhadores usam luvas e equipamentos para não se machucar na Unidade de Triagem da Nova Chocolatão – Crédito: Viviane Santos
A história de quem precisou – literalmente – colocar a mão no lixo para sobreviver

Por Cristine Fogliati Nunes e Viviane Santos
Jornalismo Ambiental campus Fapa / Noite

A bordo do táxi, Daniela, a mãe e seus dois filhos pequenos. Saindo de Bagé, a caminho da capital com dois sacos de roupas, um liquidificador, cinco quilos de açúcar e uma esperança que se desfazia cada vez que passavam em frente aos prédios da avenida Borges de Medeiros sem que nenhum fosse sequer parecido com a moradia de sua mãe. Em frente ao Centro Administrativo Fernando Ferrari, os sonhos da jovem de 20 anos pareciam distantes.

Uma montanha de lixo foi o primeiro contato visual dela com o lugar. Vila Chocolatão, seria seu novo lar. Hoje, com 33 anos, Daniela do Carmo Gonçalves relembra da sua surpresa ao chegar a Porto Alegre. Seu único pensamento naquele dia era: “eu quero voltar”. Mas, era tarde demais.

A única saída encontrada por sua mãe foi chamar a jovem para auxiliá-la no Centro de Triagem. Assim, pelo menos com uma pequena renda ajudaria na nova vida. No princípio, Daniela se opôs à ideia de trabalhar naquele lugar. A realidade só veio à tona quando ouviu do seu padrasto: “Minha querida, tu vai ter que por a mão no lixo!”. Continue lendo “Minha querida, tu vai ter que por a mão no lixo!”

Tem uma lei no meio do caminho

Desde 2008, Porto Alegre conta com uma legislação própria para catadores – Crédito: Ulisses Miranda
O caminho – tortuoso e torturante – da vida de um carrinheiro de Porto Alegre conta com mais um obstáculo.

 

Por Ulisses Miranda, Matheus Closs e Deise Freitas

Jornalismo Ambiental Campus Fapa / Noite

 

No meio do caminho de Valmir Porto Pressler, tem uma lei. O morador da Vila da Beira do Rio, no bairro Humaitá, é conhecido pelos vizinhos como Tampinha. Natural de Porto Alegre, Valmir não sabe dizer, com precisão, sua idade. Sabe, contudo, que desde muito jovem, nesses anos incertos, circula nas ruas da capital gaúcha atrás de materiais recicláveis e comercializáveis. Com seu carrinho, percorre quase quatro quilômetros de casa até a Praça Pinheiro Machado, entre os bairros Navegantes e São Geraldo. Porém, desde que chegou a vila, há quatro anos, o Rio Jacuí também entrou na sua rota. Continue lendo Tem uma lei no meio do caminho

Alunos criam jogos educacionais sobre reciclagem

Em parceria com o Departamento de Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), o curso de Design de Jogos da UniRitter está desenvolvendo games sobre o tratamento dos resíduos sólidos em Porto Alegre

Por Rudá Colling
Jornalismo Ambiental / Noite

A tecnologia veio para ficar. Porém, ainda são poucas as pessoas que a usam como uma ferramenta para a educação.  Tendo isso em mente, os alunos do curso de Design de Jogos da UniRitter desenvolveram um projeto de aprendizado sustentável. Com o tema descarte de resíduos, coleta seletiva e reciclagem, a ideia é atingir um maior número de pessoas a fim de conscientizá-las sobre o assunto preservação do meio ambiente.

Continue lendo Alunos criam jogos educacionais sobre reciclagem

Reciclagem, lição da escola para casa

A escola de ensino fundamental Otávio Mangabeira, localizada no bairro Camaquã, na zona sul de Porto Alegre, desenvolve desde 2013 um projeto para ensinar aos alunos a importância da reciclagem correta dos materiais.

Jardim feito por alunos da escola Otávio Mangabeira com materiais reciclados doados pelas famílias dos estudantes – Crédito: Gabriel Ribeiro
Jardim feito por alunos da escola Otávio Mangabeira com materiais reciclados doados pelas famílias dos estudantes – Crédito: Gabriel Ribeiro

Por Gabriel Ribeiro
Jornalismo Ambiental / Manhã

Um sábado quente, no mês de março, dia em que alunos da escola Otávio Mangabeira estavam em um parque na zona sul de Porto Alegre. Professores sentados na grama tomando chimarrão, alunos brincando nos balanços, jogando bola, pais conversando com os educadores. Eu me aproximo de uma das professoras que me acolhe e me oferece um chimarrão. Ela me leva até uma mãe sentada em um banco. Mulher humilde vendo os garotos jogar bola, mas principalmente vendo seu filho. Continue lendo Reciclagem, lição da escola para casa

No rastro dos pneus: soluções sustentáveis para a borracha

Depósito Elmo Pneus – Crédito: Divulgação
Depósito Elmo Pneus – Crédito: Divulgação

Especialistas, organizações não governamentais e simpatizantes da causa ecológica lutam para sanar os problemas de mobilidade e a poluição do ar. Porém, um detalhe a que poucos se atentam é a quantidade de pneus utilizados e desprezados na natureza. Um exemplo de sustentabilidade e inovação é a marca Vuelo, nascida no ano passado em Porto Alegre, que desenvolve bolsas, mochilas e carteiras a partir de materiais retirados das ruas.

Por Carlos Redel e Kyane Sutelo
Jornalismo Ambiental / Noite

Cerca de 790 mil veículos circulam, atualmente, em Porto Alegre, segundo dados do Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (Detran-RS). Com o aumento de aproximadamente 35% no número de automóveis na cidade, nos últimos 10 anos, ocorrido devido ao crescimento na renda per capita e a redução dos juros, potencializaram-se os impactos ambientais. Continue lendo No rastro dos pneus: soluções sustentáveis para a borracha

Visões do cárcere: a recuperação através da reciclagem

Presídio Central com mais de 4 mil detentos recicla 13 toneladas mensais de resíduos. Foto: Bárbara Barros
Presídio Central com mais de 4 mil detentos recicla 13 toneladas mensais de resíduos. Foto: Bárbara Barros

Os projetos sociais que propõem a reabilitação dos presos no Presídio Central de Porto Alegre (RS), uma das maiores casas prisionais do Brasil.

Por Anderson Mello, Bárbara Barros, Daniela Fragomeni e Letícia Bonato – Jornalismo Ambiental / Manhã

O Presídio Central de Porto Alegre vive uma situação desconexa. Por trás das grades e do isolamento, a cadeia é um organismo vivo. O local é uma verdadeira cidade, e, como tal, enfrenta problemas de natureza socioambiental como superlotação, violência, moradia precária e exclusão social. Existem lados e percepções que somente os moradores dessa localidade conhecem bem. Os projetos sociais que acontecem lá dentro são exemplos disso. Continue lendo Visões do cárcere: a recuperação através da reciclagem